"Quem me dera ser leal, discreto e silencioso como minha sombra" (Dom Helder Câmara).

sábado, 8 de abril de 2017

Papa Francisco envia mensagem a uma das cidades mais violentas dos Estados Unidos

Papa Francisco / Foto: Daniel Ibáñez (ACI Prensa)

DENVER, 07 Abr. 17 / 06:00 pm (ACI).- O Papa Francisco enviou uma carta ao Arcebispo de Chicago (Estados Unidos), Cardeal Blase J. Cupich, na qual afirmou que o caminho da paz é a única resposta autêntica à violência que a cidade sofre.

“Estou inteirado de que muitas de suas famílias perderam entes queridos por causada violência. Quero lhe dizer que estou próximo deles, que compartilho sua dor e rogo a Deus para que, através de sua graça, possam viver e experimentar a cura e a reconciliação”, expressou o Santo Padre na missiva escrita em inglês e espanhol.

“Uma cultura da não violência não é um sonho inalcançável, mas um caminho que produziu resultados decisivos. A prática constante da não violência quebrou barreiras, reparou feridas, curou nações e pode curar Chicago”, assegurou o Pontífice.

“Lamentavelmente, como me disse, pessoas de várias origens étnicas, sociais e econômicas, hoje, são vítimas de discriminação, indiferença, injustiça e violência”, prosseguiu.

Esta mensagem do Papa responde à crescente situação de violência que se vive em Chicago. O jornal “USA Today” informou que nos últimos 15 meses, foram reportados na cidade mais de 900 assassinatos. O prefeito de Chicago, Rahm Emanuel, classificou essa onda de violência como “malvada”.

No último dia 30 de março, sete pessoas foram assassinadas em três diferentes pontos da cidade. Entre as vítimas há uma mulher grávida que recebeu um tiro na cabeça.

Como resposta à violência, o Arcebispo de Chicago anunciou que no próximo dia 14 de abril, quando celebrará a Sexta-feira Santa, será realizada uma “Caminhada pela Paz” no bairro de Englewood.

Também será criada uma série de programas antiviolência com um fundo de 250 mil dólares. “Precisamos resolver o problema pessoa por pessoa”, expressou o Purpurado.

Em sua cata, o Papa Francisco manifestou seu apoio ao Cardeal Cupich e a muitos outros líderes locais que trabalham para promover a não violência como uma forma de vida e um caminho para a paz.

“Sei que estão assinalando esse esforço com um convite a todas as pessoas de  boa vontade, para caminhar pela paz na Sexta-feira Santa naquelas áreas afetadas pela violência. Esse dia, enquanto realizo minha própria Via sacra em Roma, acompanharei com minha oração todos aqueles que caminham com vocês e todas as pessoas que foram vítimas da violência”, assinalou o Pontífice.

Também afirmou em sua mensagem que “nadar o caminho da paz nem sempre é fácil, mas é a única resposta autêntica à violência”.

O Santo Padre recordou as palavras de Martin Luther King, o qual afirmou que o conflito humano só pode ser resolvido através do amor.

Nesse sentido, o Papa Francisco convidou a responder ao chamado de King e ofereceu suas orações “para que o povo de sua bela cidade nunca perca a esperança, que trabalhem unidos para se tornarem construtores da paz, mostrando às gerações futuras o verdadeiro poder do amor”.
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Pe. Geovane Saraiva

Pe. Geovane Saraiva

POSTAGENS POPULARES

SIGA-ME

Siga por e-mail

Tecnologia do Blogger.
Copyright © F.G. Saraiva | Powered by Blogger
Design by SimpleWpThemes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com