"Quem me dera ser leal, discreto e silencioso como minha sombra" (Dom Helder Câmara).

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Papa/Trump: Encontro no Vaticano aponta à «colaboração serena» na imigração, saúde e educação

Agência Ecclesia 24 de Maio de 2017, às 11:03        Foto: Lusa
Responsáveis debateram ainda temas da atualidade internacional
Foto: Lusa

Cidade do Vaticano, 24 mai 2017 (Ecclesia) - O Papa e o presidente dos EUA, Donald Trump, apontaram hoje no Vaticano à colaboração “serena” entre o Estado e a Igreja Católica, durante o seu primeiro encontro, que decorreu esta manhã.

“Manifestou-se o desejo de uma colaboração serena entre o Estado e a Igreja Católica nos Estados Unidos, comprometida no serviço à população nos campos da saúde, da educação e da assistência aos imigrantes”, refere uma nota oficial divulgada pela sala de imprensa da Santa Sé.

Trump encontrou-se ainda com o secretário de Estado do Vaticano, cardeal Pietro Parolin, acompanhado por D. Paul Gallagher, secretário do Vaticano para as relações com os Estados.

O comunicado da Santa Sé indica que as conversações “permitiram uma troca de pontos de vista sobre alguns temas relacionados com a atualidade internacional e com a promoção da paz no mundo”, através da negociação política e do diálogo inter-religioso.

Os responsáveis do Vaticano e dos EUA fizeram “especial referência à situação no Médio Oriente e à tutela das comunidades cristãs”.

A nota classifica como “cordiais” as conversas entre o Papa, Trump e os líderes da diplomacia da Santa Sé, com quem o presidente norte-americano esteve durante cerca de 50 minutos.

As duas partes manifestaram “satisfação pelas boas relações bilaterais” existentes entre a Santa Sé e os Estados Unidos da América, sublinhando o “compromisso comum em favor da vida e da liberdade religiosa e de consciência”.

O Papa Francisco recebeu hoje no Vaticano, pela primeira vez, a visita do presidente Donald Trump, num encontro privado.

Após o tradicional aperto de mãos, os dois responsáveis sentaram-se frente a frente na biblioteca do Papa, com a ajuda de intérpretes, durante cerca de 30 minutos.

Francisco saudou depois a primeira-dama dos EUA, Melania Trump, a filha mais velha de Trump, Ivanka, e o seu marido, Jared Kushner, antes da troca de presentes.

OC
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Pe. Geovane Saraiva

Pe. Geovane Saraiva

POSTAGENS POPULARES

SIGA-ME

Siga por e-mail

Tecnologia do Blogger.
Copyright © F.G. Saraiva | Powered by Blogger
Design by SimpleWpThemes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com