"Quem me dera ser leal, discreto e silencioso como minha sombra" (Dom Helder Câmara).

quarta-feira, 28 de junho de 2017

Ecumenismo: Papa saudou diálogo em curso com o mundo ortodoxo

domtotal.com
Francisco recebeu delegação do Patriarcado de Constantinopla

O Papa Francisco recebeu nesta terça-feira (27) no Vaticano uma delegação do Patriarcado de Constantinopla (Igreja Ortodoxa), saudando o atual percurso de diálogo ecuménico entre católicos e ortodoxos.

“O intercâmbio de delegações entre a Igreja de Roma e a Igreja de Constantinopla, por ocasião das respetivas festividades dos padroeiros, aumenta em nós o desejo de restabelecer a plena comunhão entre católicos e ortodoxos, que já antecipam no encontro fraterno, na oração partilhada e no comum serviço ao Evangelho”, declarou, numa intervenção divulgada pela sala de imprensa da Santa Sé.


A delegação do Patriarcado Ecuménico de Constantinopla (atual Istambul, Turquia) visita anualmente Roma por ocasião da festa dos apóstolos Pedro e Paulo (29 de junho), gesto que é retribuído pela Santa Sé a 30 de novembro, pela festa do apóstolo Santo André.

Francisco evocou a experiência do primeiro milénio do Cristianismo, em que “cristãos do Oriente e do Ocidente participavam da mesma mesa eucarística, de um lado preservando juntos as mesmas verdades de fé”.

Nesse período antes do Cisma de 1054, as comunidades cristãs cultivavam “várias tradições teológicas, espirituais e canónicas compatíveis com o ensinamento dos Apóstolos e dos Concílios ecuménicos”.

O Papa estimulou todos os que se empenham na busca do “restabelecimento da plena comunhão nas atuais condições, comunhão que não seja uniformidade homologada”.

A intervenção evocou depois os 50 anos da visita do Beato Paulo VI à sede do Patriarcado de Constantinopla, em julho de 1967, e da visita do patriarca Atenágoras a Roma, em outubro desse mesmo ano.

“O exemplo destes corajosos pastores, movidos unicamente pelo amor a Cristo e à sua Igreja, encoraja-nos a prosseguir no nosso caminho em direção à plena unidade”, declarou.

A intervenção concluiu-se com uma oração para que todos os cristãos sejam “instrumentos de comunhão e de paz”, confiando na intercessão dos santos apóstolos Pedro, Paulo e André.


Ecclesia
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Pe. Geovane Saraiva

Pe. Geovane Saraiva

POSTAGENS POPULARES

SIGA-ME

Siga por e-mail

Tecnologia do Blogger.
'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Copyright © F.G. Saraiva | Powered by Blogger
Design by SimpleWpThemes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com