sexta-feira, 31 de março de 2017

Papa pede solidariedade para menores migrantes que chegam sozinhos à Europa

Agência Ecclesia 30 de Março de 2017, às 13:04      

Francisco fala em nova classe de «órfãos» que desafia a Igreja


Cidade do Vaticano, 30 mar 2017 (Ecclesia) - O Papa Francisco apelou hoje a uma maior solidariedade com os menores migrantes que chegam sozinhos à Europa, que considerou um desafio também para a Igreja Católica.

“Hoje existem os ‘meio-órfãos’: migrantes – jovens e crianças – que chegam sozinhos às nossas terras e precisam de encontrar paternidade e maternidade. Gostaria de destacar isso. Nas embarcações, muitos chegam sozinhos e precisam disso”, alertou, numa audiência aos participantes do Capítulo Geral dos Somascos.

O instituto religioso foi fundado por São Jerónimo Emiliani (1481-1537), “padroeiro dos órfãos e da juventude abandonada”, recorda a Rádio Vaticano.

O Papa encorajou os religiosos a “permanecerem fiéis à inspiração originária e a ‘colocar-se em saída’ rumo à humanidade ferida e descartada, com escolhas evangelicamente eficazes”.

Francisco aludiu em particular às diversas formas de marginalidade nas “periferias geográficas e existenciais”, sublinhando depois a importância do diálogo ecuménico, da formação dos catequistas, dos animadores leigos e do clero.

“Que um renovado ardor missionário vos impulsione a dedicar-vos ao serviço do Reino de Deus através da educação dos jovens, para que cresçam firmes na fé, livres e responsáveis, corajosos no testemunho e generosos no serviço”, concluiu.

OC

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pe. Geovane Saraiva na Revista digital mais completa do Brasil

http://domtotal.com/pesquisar.html?cx=012259053967918215205%3A5hjxysyg8bg&ie=UTF-8&cof=FORID%3A11&q=padre+geovane+saraiva ...