"Quem me dera ser leal, discreto e silencioso como minha sombra" (Dom Helder Câmara).

sábado, 22 de abril de 2017

Fátima: Bispos do Porto destacam Santuário como «escola de santidade para a Igreja»

Agência Ecclesia 21 de Abril de 2017, às 10:40      
Cova da Iria vai acolher no dia 13 de maio a primeira canonização em solo português


Porto, 21 abr 2017 (Ecclesia) – Os bispos do Porto destacaram o Santuário de Fátima como um lugar essencial para a vivência cristã em Portugal e no mundo, com um papel ainda mais reforçado agora com a canonização de Francisco e Jacinta Marto.


“Desde há cem anos, a 13 de maio de 1917, que a Cova da Iria, lugar onde Maria, a Mãe de Jesus, apareceu a Lúcia, Jacinta e Francisco, se tornou um oásis de fé, uma escola de santidade para a Igreja e um porto de abrigo espiritual para milhares de peregrinos, vindos de todo o mundo”, referem aqueles responsáveis, numa carta pastoral enviada à Agência ECCLESIA.

O documento, intitulado ‘Peregrinos com Maria pelas fontes da alegria pascal’, destaca a presença do Papa Francisco em Fátima, nos dias 12 e 13 de maio, para presidir às celebrações do Centenário das Aparições e à primeira cerimónia de canonização em solo português.

“A presença do Papa Francisco diz-nos, neste gesto simples e profético de peregrino no meio de peregrinos, que Fátima e a mensagem da Mãe de Jesus aqui trazida são uma bênção de esperança e de paz para o mundo”, realçam os bispos da diocese do Porto, que enaltecem também a relevância cultural e social que o santuário mariano continua a ter hoje.

“Um século depois das aparições, a mensagem que Nossa Senhora confiou aos pastorinhos conserva permanente atualidade, igual novidade e invulgar urgência”, frisa a carta pastoral assinada pelo bispo diocesano, D. António Francisco dos Santos, e pelos três bispos auxiliares, D. António Bessa Taipa, D. Pio Alves de Sousa e D. António Augusto Azevedo.

Uma vez que nem todos poderão estar presentes na Cova da Iria, nos dias 12 e 13 de maio, a Igreja Católica local convida todas as comunidades da região nortenha, desde “os seus leigos, consagrados(as), diáconos, presbíteros e bispos” a todas as “paróquias e vigararias”, a participarem numa peregrinação diocesana a Fátima, no dia 9 de setembro.

Para, “a exemplo do gesto do Papa Francisco”, se constituírem “peregrinas na esperança e na paz, junto de Nossa Senhora”.

Com esta peregrinação, os bispos pretendem também retribuir e “agradecer a visita que a Imagem peregrina de Nossa Senhora de Fátima fez ao Porto”, entre 10 de abril e 01 de maio de 2016.

“Vamos como Igreja inteira peregrinar a Fátima para caminharmos com Maria pelas fontes da alegria”, apelam os responsáveis católicos, que escolheram como lema da peregrinação diocesana a frase ‘Com Maria, Senhora de Fátima, Igreja do Porto peregrina e missionária’.

Esta deslocação das comunidades católicas ao Santuário de Fátima marcará também a abertura do novo ano pastoral da Diocese do Porto.

JCP
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Pe. Geovane Saraiva

Pe. Geovane Saraiva

POSTAGENS POPULARES

SIGA-ME

Siga por e-mail

Tecnologia do Blogger.
'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Copyright © F.G. Saraiva | Powered by Blogger
Design by SimpleWpThemes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com