"Quem me dera ser leal, discreto e silencioso como minha sombra" (Dom Helder Câmara).

domingo, 19 de março de 2017

Pioneiro do rock n' roll Chuck Berry morre aos 90 anos

domtotal.com
Guitarrista e cantor, ele era conhecido por sucessos como "Johnny B. Goode", "Roll Over Beethoven" e "Sweet Little Sixteen".
O cantor e compositor americano Chuck Berry, um dos pioneiros do rock and roll, faleceu neste sábado (18).
O cantor e compositor americano Chuck Berry, um dos pioneiros do rock and roll,
 faleceu neste sábado (18). (AFP/Arquivos)
Atualizada às 23h17

Washington (AFP) - O guitarrista e cantor americano Chuck Berry, um dos pais do rock and roll, morreu neste sábado aos 90 anos, disse a polícia do estado americano do Missouri.

"O Departamento de Polícia do Condado de St. Charles confirma com tristeza a morte de Charles Edward Anderson Berry pai, mais conhecido como o músico lendário Chuck Berry", disse o departamento no Facebook.

A polícia respondeu a uma chamada de emergência médica na casa do músico em St. Charles, localidade no leste do estado de Missouri, perto da cidade de St. Louis, cidade natal do artista. Os socorristas encontraram Berry inconsciente e não conseguiram reanimá-lo, afirmou a polícia.

Berry nasceu em 18 de outubro de 1926 em Saint Louis, e deixou uma obra imensa, que influenciou várias gerações de músicos.

"Chuck Berry foi o maior praticante do rock, o maior guitarrista e o maior compositor de rock 'n' roll puro que já viveu", disse no Twitter Bruce Springsteen, que tinha uma relação próxima com Berry, enquanto Mick Jagger lhe agradeceu, na mesma rede social, pela "sua música, que nos inspirou".

"Nenhum de nós seria nada sem você", apontou Lenny Kravitz, e o ex-Beatle Ringo Starr pediu "paz e amor" para o cantor e compositor.

Chuck Berry se tornou conhecido por sucessos como "Johnny B. Goode", "Roll over Beethoven" e "Sweet Little Sixteen".

Considerado um dos criadores do rock'n roll, Chuck Berry ajudou a definir a cultura popular da década de 1950 e o futuro da música combinando o Rhythm & Blues, a guitarra country e uma performance única nos palcos.

Foi durante sua infância que ele aprendeu a tocar jazz, enquanto alternava trabalhos de baixa remuneração com atos de delinquência.

Mais tarde, trabalhou como cabeleireiro, se casou, se tornou um pai de família e aumentou sua renda tocando em bares, onde conheceu o cantor de blues Muddy Waters.

Em 1955, gravou sua primeira canção, "Maybellene", que marcou o começo de uma década brilhante do músico.

Chuck Berry depois gravou "Thirty Days", "No money down" e "Roll over Beethoven" (1956), antes de uma série de hits: "School Days" e "Rock and Roll Music" em 1957, "Sweet Little Sixteen", "Carol" e "Johnny B. Goode" em 1958, "Little Queenie", "Memphis Tennessee" e "Back in the USA" em 1959.

"Querida, estou ficando velho"

No final da década de 1950, suas canções deram a volta ao mundo e Berry se tornou um herói da juventude branca fascinada pelo rock, com temas simples e universais que exaltavam os interesses dos adolescentes - as festas, a sedução, os carros e a escola, entre outros.

O hit "Johnny B. Goode" foi tão influente que foi escolhido pelo programa espacial dos Estados Unidos para representar o gênero rock para possíveis ouvintes extraterrestres na sonda espacial Voyager, em 1977.

Sua carreira foi pausada em 1961, depois que ele passou dois anos na prisão. Após a saída, passou por um período difícil, enquanto seus temas clássicos eram retomados por grupos europeus como os Rolling Stones e os Beatles.

Nos anos 1970, voltou a fazer sucesso, com "My Ding a Ling" (1972), que o levou de volta aos palcos e permitiu que ele realizasse turnês internacionais que lhe renderam muito dinheiro.

Enquanto continuava tendo problemas com a justiça, aos poucos Berry foi se retirando dos palcos.

No último 18 de outubro, ao completar 90 anos, Berry anunciou o lançamento do seu primeiro álbum em 38 anos.

O álbum, intitulado "Chuck", foi gravado em um estúdio perto de Saint Louis, e deve ser lançado no decorrer deste ano.

Berry, considerado um dos melhores guitarristas de todos os tempos, dedicou o disco à sua esposa, Themetta Berry, com quem viveu durante os últimos 68 anos.

"Querida, estou ficando velho! Trabalhei durante muito tempo neste disco. Agora posso pendurar as chuteiras", disse o cantor então em um comunicado.

Berry gravou o novo álbum com a banda que lhe acompanhou durante duas décadas de apresentações no Blueberry Club em Saint Louis e na qual seu filho Charles Berry Jr. toca guitarra.

Chuck Berry foi parte do primeiro grupo de cantores a entrar no Hall da Fama do Rock and Roll de Cleveland (Ohio) em sua abertura, em 1986.

Confira o clássico "Chuck Berry - Johnny B. Goode"!


AFP
Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário

Pe. Geovane Saraiva

Pe. Geovane Saraiva

POSTAGENS POPULARES

SIGA-ME

Siga por e-mail

Tecnologia do Blogger.
'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();
Copyright © F.G. Saraiva | Powered by Blogger
Design by SimpleWpThemes | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com